Dia Internacional da Língua Materna

Moçambique, é um país multicultural e multilingue com mais de 23 línguas moçambicanas, incluindo as de sinais. A maioria da população moçambicana, têm as línguas moçambicanas como língua materna que é o principal meio de comunicação, sobretudo nas zonas rurais, onde a língua portuguesa, língua oficial, é apenas dominada por cerca de 10.8% da população, conforme o INE, 2010, facto que concorre para a exclusão no acesso a educação, a informação e a vários serviços sociais por parte de cidadãos moçambicanos.

O dia internacional da língua Materna foi instituída em 1999 pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) e, é comemorado a 21 de Fevereiro de cada ano. Seu objectivo principal é valorizar e promover a diversidade linguística, cultural e o plurilinguista nas nações.

No nosso país, as línguas maternas, particularmente, as moçambicanas, desempenham um papel muito importante no processo de ensino e aprendizagem e reflectem igualmente os valores culturais e as crenças do seu povo.

Para este ano, o Dia Internacional da Língua Materna comemora-se com o lema: “Promovendo o Multilinguismo para a Inclusão na Educação e na Sociedade.”​